INÍCIO

No princípio….

Lauro Dias da Silva (1948-2011) sendo trabalhador do Centro Espírita Seareiros, que na época encerrou suas atividades, foi o intermediário desta transferência para o Centro Espírita Jesus Gonçalves. Segundo o Estatuto da FEESP, quando um Centro Espírita encerrar as sua atividades, terá de passar os seus ativos e valores a outro Centro Espírita. Assim, Lauro continuou suas atividades auxiliando a médium Cláudia Rosa de Arruda Ferreira (1928-2017) em sua residência.
Por volta de 1970, Cláudia Rosa fazia o Evangelho e atendia as pessoas na sua própria Casa, e aos poucos o local se tornou pequeno, não comportando mais o número de pessoas atendidas. Cláudia Rosa, juntamente com Lauro Dias e uma equipe de trabalhadores, por orientação espiritual, saíram a procura de um lugar onde seria a sede da Casa Espírita. Após conseguir alugar uma casa simples mais acolhedora na Rua; Profª. Irene Maurícia de Sá – Conj. Res. Ingaí. Foi fundado, no dia 10 de maio de 1986, próximo a Estrada do Alvarenga a Casa Espírita que teve o nome de Centro Espírita Jesus Gonçalves. Porém a sopa que era distribuída aos irmãos carentes continuou sendo feita na residência da Cláudia Rosa.
Lauro Dias e Cláudia Rosa ocuparam todos os cargos, presidente, vice-presidente, onde houvesse necessidade eles estavam presente. Como coordenador de cursos, Lauro foi ao Centro Espírita Luz Eterna, Curitiba/Pr., conhecer as apostilas que eram adotadas naquela Casa para os cursos do COED e COEM. Foi aí que aconteceu um fato interessante, Jesus Gonçalves deu comunicação, através da psicografia de um médium, agradecendo a ele por ter colocado o seu nome no Centro Espírita. Após estudar profundamente as apostilas que trouxera do Centro Espírita Luz Eterna, resolveu em conjunto com toda a sua equipe de trabalhadores em utilizá-las nos cursos do Centro Espírita Jesus Gonçalves e as mesmas continuam beneficiando e instruindo as pessoas que fazem o curso até os dias de hoje.
Alguns anos se passaram e os trabalhadores sentiram a necessidade de mudança do Centro Espírita Jesus Gonçalves para um local mais amplo. Através da mediunidade de Cláudia Rosa, foram orientados a procurar outro local, pois “os tempos eram chegados”.
Para aquisição da nova sede, local previamente indicado pela Espiritualidade, os Trabalhadores, incansavelmente se mobilizaram para conseguir completar o valor para aquisição do imóvel.
No dia 29 de junho de 1997, depois de muita luta, e muito empenho dos trabalhadores, conseguiram adquirir uma nova Casa na Rua Tapirapés/ Pedreira, onde o Centro Espírita Jesus Gonçalves está até a presente data. No entanto, os trabalhadores foram orientados através da mediunidade da Cláudia Rosa a continuarem firmes nos trabalhos espirituais, nos Cursos e dando a mesma atenção especial aos trabalhos de Caridade: sopa fraterna, a distribuição de cestas básicas, a divulgação da Caravana de Hansenianos para Pirapitingui, por serem a sustentação espiritual da Casa. Cláudia Rosa recebeu também orientação dos Mentores para que fosse regularizada toda a documentação da Casa, junto a FEESP, PMSP, CETESB, DUSM, SABESP, Receita Federal.
CLÁUDIA ROSA DE ARRUDA FERREIRA sempre foi amiga, protetora, companheira, confidente, presente na vida de todos os trabalhadores da Casa e considerada “Presidente de Honra”, fazendo questão de participar de todas as Reuniões de Diretoria, apaziguando e ajudando na solução dos problemas que surgiam.
LAURO DIAS DA SILVA sempre foi um trabalhador incansável no Centro Espírita Jesus Gonçalves, onde se dedicou com muito amor e por longos e longos anos….

 

© 2022 Frontier Theme